terça-feira, 8 de dezembro de 2015

Os 10 melhores livros sobre John Lennon e os The Beatles


Hoje, dia 8 de dezembro de 2015, faz exatos 35 anos que um gênio da música foi morto a tiros enquanto voltava para seu apartamento em Nova York: John Winston Lennon, então com 40 anos. A importância que John e os Beatles, que aliás foi fundada por ele, têm até hoje para a música e cultura em geral (engana-se quem pensa que ele foi importante apenas para a cultura pop), é inegável e assustadoramente grande, mesmo se fizermos uma análise rápida.

Para entender essa influência, o primeiro passo é ouvir todos os discos dos Beatles e os do próprio John. Assistir a documentários e filmes também é interessante. Mas para nós, apaixonados por bons livros, ler sobre uma banda tão sensacional e um cara tão brilhante é uma delícia. E relembrar sempre o quão sortudos somos por Lennon ter pisado nesta Terra é uma bela homenagem a ele. Portanto fiz uma lista com um bocado de ótimos livros para você. Boas leituras.


John Lennon: a vida, Philip Norman, Companhia das Letras



Sinopse: Entre as muitas revelações contidas nesta nova biografia de John Lennon, talvez a mais inocente seja a de que, ao contrário do que se acreditava até hoje, não foi a tia, Mimi, mas sua mãe, Julia, quem lhe deu a primeira guitarra. Bem menos inocente é a identificação correta da verdadeira musa de "Norwegian Wood", canção dos Beatles que relatava um evidente caso extraconjugal do líder da banda. Mas nem uma coisa nem outra dá a tônica à cuidadosa pesquisa realizada por Philip Norman ao longo de três anos. Longe de contentar-se com curiosidades ou mexericos, John Lennon: a vida é o relato biográfico mais completo já escrito sobre uma das personalidades mais fascinantes da segunda metade do século XX: John Winston Lennon, nascido em 9 de outubro de 1940 e tragicamente morto a tiros em 8 de dezembro de 1980, na entrada do edifício Dakota, em Nova York.

Com acesso a documentos inéditos e testemunhos diretos de Yoko Ono, Sean Lennon e Paul McCartney, entre outros, Norman começa por descrever em detalhes infância e adolescência do ex-Beatle, e logo traz à tona episódios e personagens cruciais para o entendimento de uma figura tão unanimemente admirada quanto controvertida. O pai, Freddie Lennon, que o teria abandonado ainda pequeno, é uma delas, e seu lado da história ganha aqui, pela primeira vez, um relato pormenorizado. Não menos surpreendentes são os episódios jamais divulgados da vida do ex-Beatle, como a surra feroz e injustificada que, ainda em Hamburgo, Lennon teria dado em Stu Sutcliffe, mais tarde apontada como possível causa da morte prematura do amigo, em 1962.

Stu e Julia, Lennon admitiria mais tarde, foram as grandes perdas de uma existência marcada em igual medida pela genialidade e pela insegurança. Na outra ponta, Yoko Ono dá testemunho sincero e único dos quase quinze anos de vida a dois, e um comovente depoimento de Sean Lennon encerra o livro. Se, como mostra Philip Norman, John carregou por toda a vida a mágoa de não ter podido conviver mais tempo com a mãe, Julia, Sean não teve melhor sorte: tinha cinco anos quando o pai foi assassinado - uma das trágicas coincidências de uma biografia tão rica quanto conturbada, apresentada aqui num texto cristalino, que alia rigor de pesquisa a qualidade literária.
Fonte

"A melhor biografia de Lennon." - The Observer

"O retrato definitivo de John Lennon, escrito com grande beleza e sagacidade." - The Independent

"Uma história conhecida, mas contada aqui de forma mais verdadeira do que nunca." - Rolling Stone





John, Cynthia Lennon, Larousse


Sinopse: Cynthia Lennon, primeira mulher do ex-Beatles, é testemunha viva dos acontecimentos que formaram uma das maiores lendas da música. Ela conheceu John Lennon na faculdade de arte, e o relacionamento entre eles, que coincidiu com o começo do fenômeno dos Beatles, estendeu-se pelos dez anos mais importantes para o grupo.

Pela primeira vez, Cynthia não apenas lança uma luz nova e fascinante sobre aquela época lendária, mas também conta a história pessoal, completa e extraordinária de seu casamento com o homem que se tornaria o mais idolatrado e admirado dos integrantes da mais importante banda de rock de todos os tempos. Fonte




John Lennon, Yoko Ono e eu, Jonathan Cott, Zahar


Sinopse: "Eu nunca recomendei nenhum livro sobre John e Yoko. Mas este me fez engasgar. Ouvi John em meus ouvidos e o senti em meu coração. Este é um bom livro para os fãs de Lennon." Yoko Ono
Retrato íntimo de dois dos mais extraordinários artistas do nosso tempo, John Lennon, Yoko Ono & eu, é também o testemunho de uma profunda e duradoura amizade. Jonathan Cott, o lendário jornalista da revista Rolling Stone, apresenta pela primeira vez as versões completas - com material inédito e revelador - de todas as suas entrevistas e conversas importantes com John e Yoko, além de imagens raras do arquivo pessoal do casal. Fonte

A última entrevista do casal John Lennon e Yoko Ono, David Sheff, Nova Fronteira


Sinopse: Este livro procura trazer uma entrevista com John Lennon e Yoko Ono realizada em 1980. Durante três semanas, o autor gravou conversas realizadas no apartamento de Dakota, no estúdio de gravação, em limusines, cafés, banheiros, entre outros lugares, sobre assuntos diversos, como detalhes do casamento e a rememoração da carreira dos Beatles. Fonte

As cartas de John Lennon, Hunter Davies, Planeta


Sinopse: As cartas apresentadas nesta obra procuram mostrar tudo o que John Lennon tinha a dizer à família, aos amigos, às namoradas, a jornais e até a estranhos, falando não só de assuntos importantes de sua vida pessoal e profissional, mas também de trivialidades, mostrando ao público suas típicas ideias e revelando como ele podia ser, ao mesmo tempo, delicado e irônico, agressivo e carente. O jornalista Hunter Davies comenta e contextualiza cada carta, proporcionando também uma biografia do músico. Fonte

John Lennon em Nova York: os anos de revolução, James A. Mitchell, Valentina


Sinopse: Biografia única e ilustrada, John Lennon em Nova York revela como foi a pouco conhecida fase pós-Beatles vivida por um dos maiores artistas do século XX. O ativismo político, a evolução musical, a relação com a esposa Yoko Ono e com os antigos companheiros de banda foram alguns dos temas abordados com deliciosas minúcias pelo autor, o jornalista norte-americano James A. Mitchell. Um dos maiores valores da obra está na revelação de detalhes inéditos sobre Lennon, sobretudo os relacionados à busca frenética pela enteada, Kyoko Cox, nos EUA. Autor de outros livros sobre jornalismo, rock e guerra, James A. Mitchell recorreu a entrevistas inéditas com os membros da banda norte-americana de Lennon, a Elephant’s Memory; com a escritora e líder feminista Gloria Steinem; com o cofundador da Bancada Negra do Congresso, Ron Dellums; com o veterano dos “Sete de Chicago” Rennie Davis; com o advogado especializado em assuntos de imigração Leon Wildes; e com o poeta e ativista John Sinclair, o homem que Lennon libertou de uma sentença de dez anos de prisão – feito que demonstrou seu enorme poder político e cultural e pôs em marcha a surpreendente história aqui contada. Lançada em 2013, a biografia revela processos de criação dos discos solo de Lennon, as perseguições do FBI e do presidente Nixon para deportá-lo pela oposição à Guerra do Vietnã, e como se integrou ao cotidiano de NY. O livro agrada não só a Beatlemaníacos e fãs do artista, mas também a amantes de rock, de artes plásticas, show-business e História. Revela curiosidades de alguns dos grandes ícones culturais do século passado que conviveram com o músico, além das mudanças sociais, culturais e comportamentais do início dos anos 70 até o assassinato de John Lennon, em 1980. Fonte

The Beatles, Hunter Davies, Best Seller


Sinopse: No auge da Beatlemania, Hunter Davies foi o único biógrafo autorizado a acompanhar John, Paul, George e Ringo junto aos amigos, colegas e familiares. Do primeiro contato com a música até a relação com o empresário Brian Epstein, as histórias de infância e adolescência dos integrantes da maior banda de todos os tempos são reveladas, assim como o processo criativo de seus álbuns. Ao longo de 18 meses, Davies reuniu um material íntimo e exclusivo — incluindo um sensacional encarte de fotos —, que se tornou referência a outros autores e admiradores. Repleta de detalhes e entrevistas, esta biografia traz também as histórias completas do Fab Four e uma letra de música escrita por George Harrison descoberta recentemente. O profundo conhecimento de Davies sobre a história do grupo e seu apelo duradouro fazem desta a biografia definitiva dos Beatles, a única produzida com a colaboração e o incentivo dos próprios músicos. The Beatles é uma leitura obrigatória e prazerosa para todos os fãs. Fonte

 The Beatles Antologia, Cosac & Naify


Sinopse: Registro definitivo dos eventos em torno da banda até 1970, escrito pelos próprios integrantes e completado por entrevistas concedidas a programas de televisão e para a produção do vídeo The Beatles Anthology. Inclui entrevistas especialmente feitas com Paul McCartney, George Harrison e Ringo Starr. A compilação de palavras de John Lennon foi supervisionada por sua mulher, Yoko Ono. Fonte

The Beatles: história por trás de todas as canções, Steve Turner, Cosac & Naify


Sinopse: São 208 músicas gravadas pelos artistas mais influentes do século XX. São 208 histórias explicando a mágica de cada uma delas. Em cerca de 380 páginas e mais de 100 ilustrações em cores, a edição reúne a gênese das canções mais importantes do cenário musical internacional. O que o jornalista, biógrafo e poeta inglês Steve Turner faz em The Beatles – a história por trás de todas as canções não é apenas explicar os significados ou os bastidores técnicos das composições da banda. Sua proposta é mostrar como elas nasceram e quais episódios as inspiraram: de frases do dia-a-dia até notícias de canto de uma página de jornal. Fonte 



The Beatles: a biografia, Bob Spitz, Larousse


Sinopse: Resultado de quase uma década de pesquisa e centenas de entrevistas inéditas, somadas à descoberta de inúmeros documentos nunca antes revelados, The Beatles, de Bob Spitz, é a biografia mais completa já escrita sobre a vida e a obra do quarteto fantástico de Liverpool. É o livro que todos os fãs esperavam: um relato abrangente, completo, tão brilhante, divertido e revelador como um disco dos próprios Beatles. Fonte